Engenharia de Produção

Seu campo de trabalho ultrapassa os limites da indústria.

O Curso
O Projeto Pedagógico do Curso de Engenharia de Produção do Centro Universitário Moura Lacerda segue uma tendência mundial dos cursos de Engenharia, com a formação de um profissional pleno, com formação mais abrangente, apto a atuar em diversos setores da economia. Diante do atual cenário mundial, com globalização financeira e dos mercados, crescimento da importância do setor de serviços e do potencial do agronegócio, o egresso do curso de Engenharia de Produção está capacitado a exercer um papel de liderança em projetos, controle e organização de sistemas de produção e de prestação de serviços. As competências e habilidades e os conhecimentos adquiridos no curso permitem ao profissional uma compreensão mais abrangente do funcionamento das empresas, possibilitando ao Engenheiro de Produção alicerçar mais solidamente sua intervenção nos campos de atuação. Permite, ainda, a atuação em outras atividades gerenciais, alargando o espectro de atividades de sua competência. O Projeto do curso de Engenharia de Produção destaca a formação em Tecnologia de Processos de Produção, Automação e Planejamento de Processos.

 

Objetivo

O Curso de Engenharia de Produção do Centro Universitário Moura Lacerda, em profunda consonância com a moderna concepção do perfil deste profissional, a partir do entendimento e das propostas da ABEPRO – Associação Brasileira de Engenharia de Produção, do MEC e do CREA, tem como objetivo formar profissionais com sólida formação científica e profissional, que o capacite a identificar, formular e solucionar problemas relacionados ao projeto, operação e gestão de sistemas de produção de bens e serviços. A formação profissional considera aspectos de natureza humanos, econômicos, sociais e ambientais, com visão ética e humanista, em atendimento às demandas da sociedade.

 

Áreas de Atuação

Os campos de atuação do Engenheiro de Produção incluem o planejamento e controle da produção, o controle e gestão da qualidade, a organização do trabalho e dos processos produtivos, a ergonomia, a logística de suprimento e distribuição, a análise de viabilidade de projetos de investimento, o marketing, controle e gestão de custos, planejamento estratégico, sistemas de informação, estruturação das organizações, e administração financeira de empresas. A atuação do Engenheiro de Produção exige o domínio tecnológico dos sistemas de produção, que conduz o profissional a atuar também em aspectos estritamente tecnológicos dos processos.

 

Conheça nossa grade e corpo docente